Quando você olha para sua vida, talvez fique pensando em como o tempo passou tão rápido e não tem ideia de como chegou ao ponto onde está. Você pode começar a se sentir triste por ter se afastado de onde gostaria de estar na sua idade. A vida foi muito mais difícil do que você esperava, então se conformou e decidiu aceitar que a vida é como é.

Você desistiu e sua meta agora é apenas sobreviver. Você só quer ser feliz. No entanto, não precisa ser assim.

Cultivar muito mais felicidade na sua vida é uma possibilidade real e próxima. Você só tem que se esforçar um pouco. Aqui estão 13 maneiras comprovadas de afastar a tristeza e se sentir feliz novamente:

 

1 Faça o que lhe traz significado

Muitas pessoas já enfrentaram um sentimento de tédio e paralisia em suas vidas sem saber o que fazer. Quando perceber que está indo por este caminho, procure um trabalho ou projeto que exija suas habilidades e talentos. Ou procure ajudar alguém que esteja com dificuldades em algo que você sabe realizar. Aprofunde-se ao máximo nessa experiência e compartilhe com as pessoas mais próximas. O significado vem em nossas vidas quando mudamos nossa perspectiva sobre nossas dificuldades de uma maneira que melhora nossas vidas em vez de reduzi-las.

 

2 Comece a eliminar suas opções e saiba o que você quer

Ter muitas opções sobre alguns assuntos e decisões nos esgotam, nos deixam infelizes e nos deixam frustrados por ter que escolher entre muitas opções. Quando você tem muitas escolhas a fazer, você começa a tomar decisões piores à medida que você faz cada uma delas ao longo do dia. Isso é conhecido como fadiga de decisão.

A coisa mais importante que você pode fazer para aumentar seu nível de felicidade é reduzir efetivamente a quantidade de decisões desnecessárias que você deve tomar em um dia.

Algumas outras dicas que você pode fazer agora:

  • Tome as decisões mais importantes no começo do dia, quando sua mente estiver mais fresca.
  • Tente planejar seu dia na noite anterior sempre que possível.
  • Escolha suas refeições com antecedência.
  • Se você tiver que tomar uma decisão importante, mas estiver com fome, coma primeiro.
  • Quando você tem muitas opções, tente reduzi-las a escolher entre algumas poucas.

 

3 Crie espaços seguros para se encontrar e vencer a sensação de vergonha

Somos constantemente bombardeados com mensagens que nos dizem que precisamos olhar, agir ou seguir um determinado caminho para sermos felizes e bem-sucedidos. Uma pessoa média fica exposta a mais de 10.000 anúncios por dia e a maioria dessas mensagens é totalmente absurda.

Todas essas falsas promessas que nos são dadas a cada dia são o que nos faz retratar a nós mesmos da maneira que achamos que os outros querem que sejamos, para que possamos nos encaixar. A parte triste é que muitos de nós encontramos maneiras de nos encaixar, mas nós nunca nos sentimos como se pertencêssemos.

Quando não nos sentimos amados e entendidos pelo que realmente somos, não há como ser feliz. A razão pela qual muitas vezes relutamos em ser nossos eus mais autênticos é por causa da vergonha. Aprender a ter a coragem de permanecer fiel a si mesmo é uma das chaves para uma felicidade mais duradoura.

 

4 Envolva sua curiosidade para impulsionar seu crescimento pessoal

Algumas das coisas mais importantes que existem em nosso mundo hoje foram resultado da curiosidade de alguém. É a razão pela qual pessoas como Steve Jobs, Thomas Edison e Henry Ford criaram alguns dos produtos mais inovadores de todos os tempos.

Satisfazer sua curiosidade libera dopamina no cérebro. Você quer saber o que acontece e quando você finalmente faz, você obtém essa descarga de dopamina e obtém prazer como recompensa. O mesmo se aplica aos hábitos que criamos, como verificar nossos feeds e e-mails de mídia social. Ao usar sua curiosidade para ajudá-lo a melhorar em alguma coisa, tornar-se mais experiente ou ver algo em uma nova perspectiva, você descobrirá que a vida é muito mais agradável.

 

5 Ajude-se ajudando aos outros

As pessoas mais felizes são aquelas que causam um impacto positivo nas vidas dos outros. Todo indivíduo tem algo que pode contribuir para o mundo. A parte difícil é descobrir o que é isso. E a verdade é que nós nunca descobriremos até que realmente façamos algo sobre isso.

A ciência mostrou dados que apóiam a evidência de que doar é um meio poderoso para a felicidade duradoura. Se feito da maneira certa, doar pode causar bem estar e proporciona aquela melhorada necessária no seu humor.

 

6 Saia da sua zona de conforto para religar seu cérebro

Um dos principais fatores da infelicidade é a rotina. Simplificando, você está entediado, mas, ao mesmo tempo, talvez tenha um pouco de medo de tentar algo novo. Seja qual for o caso, sair da zona de conforto o máximo possível pode resultar em uma vida muito mais satisfatória.

Os cientistas descobriram evidências de que, se uma pessoa sai só um pouco da sua zona de conforto, ela pode aumentar a endorfina em seu cérebro, o que aumenta o sentimento de felicidade. Para isso procure visitar locais e cidades novos sempre que possível e busque sempre aprender algo totalmente novo.

 

7 Evite o materialismo e invista em experiências

Estamos vivendo uma época de grande efervescência consumista, no entanto as coisas materiais normalmente só trazem uma quantidade temporária de felicidade na melhor das hipóteses. Por outro lado, as experiências felizes duram como uma lembrança feliz para sempre. Isso porque as grandes experiências se tornam uma parte de você!

Em vez de gastar seu dinheiro comprando algo que é um bem material que você sempre quis, procure fazer aulas ou cursos sobre algo que tenha muita vontade, invista em viagens para lugares que sempre quis conhecer e faça atividades que proporcionem experiências únicas.

 

8 Medite regurlamente

A auto-realização demonstra ter muitos benefícios e isso pode ser alcançado pela prática regular da meditação e da atenção plena. Tirar um momento para se desvencilhar de todos os pensamentos confusos e emoções que você experimenta no dia-a-dia pode ser exatamente o que você precisa para ser mais feliz. A meditação aumenta a massa cinzenta no hipocampo, que é uma área do cérebro importante para a aprendizagem, memória e emoção. Também reduz a massa cinzenta na amígdala, a área do cérebro associada ao estresse e ansiedade.

 

9 Mude sua atitude por gratidão

Seu cérebro não pode se concentrar simultaneamente em coisas positivas e negativas de uma só vez. Por causa disso, praticar a gratidão pode ajudá-lo a mudar seu foco de tristeza pelas coisas que você não tem em sua vida para se alegrar com as coisas que você tem.

Quando você se envolve no ato de ser grato por algo, aumenta a produção de dopamina e serotonina. Isso ativa o centro de felicidade do cérebro, que é semelhante a como os antidepressivos funcionam; então, você poderia pensar em gratidão como um antidepressivo natural.

Independente de sua orientação espiritual, crie o hábito de agradecer por suas conquistas e todas as coisas boas que lhe acontecem.

 

10 Criar hábitos melhores

Uma das maiores diferenças entre pessoas felizes e infelizes são os hábitos que eles têm. Mais de 40% do seu dia não é gasto em tomar decisões ativas, mas é resultado de entrar no “piloto automático”.  A verdade sobre por que é tão difícil sair das antigas rotinas é simplesmente o fato de que é uma rotina. Os seres humanos são criaturas de hábitos.

Se os seus hábitos não o tornarem mais saudável e feliz, isso significa que você pode estar gastando quase metade do seu dia fazendo coisas que o tornam mais infeliz. Mudar seus hábitos é muito mais fácil de dizer do que fazer, e é por isso que você também precisa modificar seu ambiente o máximo possível para aumentar suas chances de sucesso. Depois de fazer isso, tente lidar com as rotinas que o ajudarão a substituir os maus hábitos por bons hábitos.

 

11 Aprenda a prever a felicidade com mais precisão

Há muitas coisas na vida que não são tão agradáveis quanto você achava que seriam. Uma das maiores causas da infelicidade é criar expectativas erradas sobre coisas que podem nos deixar felizes. Então procure pesquisar e se informar o melhor possível antes de se lançar em algum projeto ou fazer alguma compra, de modo que consiga antecipar possíveis frustrações. Desse modo as suas expectativas ficarão mais alinhadas com a realidade e a satisfação certamente será maior.

 

12 Se permita um tempo para ficar triste

Na maioria das vezes, as pessoas tentam evitar as emoções negativas porque têm medo da dor e do luto que irão sentir ou da vulnerabilidade que isso exigirá. Mas a menos que você deixe essas lágrimas correrem, você nunca será capaz de se libertar dessas emoções indesejadas. Elas ficarão presas dentro de você. Fica ainda pior quando você tenta entorpecer sua tristeza com comportamentos negativos, como se medicar demais, beber excessivamente ou distraindo por excesso de trabalho. O que acontece quando você adormece seus comportamentos negativos é que você também está adormecendo seus comportamentos positivos.

Experimentar totalmente suas emoções, sejam elas positivas ou negativas, é importante para o seu próprio bem-estar. Adquira o hábito de identificar suas emoções. Por exemplo, quando você começa a se sentir triste, diga a si mesmo: “Isso é tristeza”. Quando você começa a chamar suas emoções pelo nome, isso ajuda a perceber que é uma emoção e não precisa definir quem você é.

Da próxima vez que você começar a sentir tristeza, deixe-se sentir. Não deixe seu medo encontrar uma desculpa para evitá-la. A parte importante de sentir a sua tristeza é ter certeza de que você não cruza a linha tênue da convivência e se vitimizar. Deixe o sentimento vir, e quando ele quiser ir, deixe ir.

 

Felicidade marca o local

Ao contrário de contos de fadas, não existe algo como feliz para sempre. Em vez disso, a vida é semelhante a uma variedade de tesouros espalhados em um enorme campo. Você precisará cavar um pouco para encontrar cada tesouro enquanto passa por diferentes pontos da sua vida.

 

Adaptado do texto: https://www.lifehack.org/688438/how-to-be-happy-again

Compartilhe: